Skip to content

Anime, mangá e fanfic

Desenhos e animações

Animes são desenhos televisionados

Mangás são desenhos em quadrinhos.

Os mangás inspiram animes.

Mangás são quadrinhos “estilo japonês” e devem ser lidas de trás para frente e da direita para esquerda. 

Animes versões animadas (para televisão, cinema)

Os animes possuem algumas características muitos fortes: os sentimentos e as emoções dos personagens são muito bem definidas nas suas expressões faciais. Se você olhar atentamente perceberá que os olhos grandes, cheios de brilho e cor, ajudam nessa valorização da expressão dos sentimentos.

Os animes não temem as risadas, o choro ou ficar vermelho de raiva. Seus sentimentos são fortes e verdadeiros.

Anime

É um tipo de desenho animado produzido no Japão. 

Segundo o site Significados poderia ser uma abreviação do inglês animation (“animação”), ou pode ter vindo do francês animée (“animado”).

O Google considera que anime e desenho animado não são muito diferentes, diferindo na origem, onde o primeiro está mais ligado à cultura japonesa e possuem características mais adultas do que os desenhos. Outra diferença estaria nos detalhes, animes costumam ser mais detalhados. Existem exceções como Avatar.

Anime não é um gênero, na realidade é um estilo de animação. Muitas vezes pode retratar vários formas de dramatização, por exemplo o terror, o drama, a comédia entre outros.

Desenhos animados

Nos Estados Unidos as histórias em quadrinhos geraram a indústria dos desenhos animados e levaram ao Japão essa nova opção de arte.

Alguns detalhes são importantes:

  • O primeiro anime foi “Hakujaden” (“A Lenda da Serpente Branca”). 
  • Anime é tradicionalmente desenhado a mão.
  • Segundo os japoneses essa indústria japonesa está em declínio no Japão, mas abriu um espaço no mercado mundial.  Essa afirmação é feita por associações (AJA) e entidades japonesas, que enxerga no mercado externo um nicho mercadológico.

A cultura pop japonesa está em alta no mercado mundial e um dos pontos fortes são as animações. Destaque para: Dragon Ball, Naruto e One Piece, que são nomes conhecidos mundialmente. Sendo citados e adorados por russos, europeus e americanos. O mercado brasileiro também é muito impactado. O mundo consome não só as animações como todos os produtos paralelos, bonecos, jogos, roupas etc.

A Netflix agora apresenta animações do Studio Ghibli. filmes agora estarão no streaming. Alguns destaques: O Castelo no Céu (1986), Meu Amigo Totoro (1988), O Serviço de Entregas da Kiki (1989), Memórias de Ontem (1991), Porco Rosso: O Último Herói Romântico (1992), Eu Posso Ouvir o Oceano (1993) e Contos de Terramar (2006). Verifiquem as datas de lançamento, isso mostra que a produção tem se mantido forte faz algum tempo.

Animes possuem gêneros:

Shonen 

Muitas vezes ligados a robôs gigantes que os tornaram famosos no meio dos animes. Mas na realidade, são mais longos, famosos e sua tradução poderia ser “para meninos”, logo uma característica demográfica, gênero, define a categoria.

Exemplos: My Hero Academia, Dragon Ball Z, Slam Dunk, Naruto, Cavaleiros do Zodíaco, My Hero Academia.

Existem subgêneros: esportes, fantasia, ficção científica e até histórias de terror. Diferenciados por cenários, histórias e conteúdo. Mas possuem algo em comum, os personagens são jovens e todos buscam se tornar pessoas melhores a cada dia, muitos querem corrigir erros do passado e sempre procuram proteger aqueles que amam.

Shoujo

Literalmente “Mulher Jovem”, poderia ser um contraponto, mas essa visão não foi passada ao mercado. Traz para esse universo, os relacionamentos amorosos. Mas consegue trazer relacionamentos diferenciados como platônicos, triângulos e amizades. Outro ponto importante: são desenhos detalhados, suaves e muito bonitos.

Tratam com tranquilidade os chamados “ritos de passagem “ de uma mulher, os dramas e preocupações típicas das meninas durante a adolescência, como o primeiro amor, o primeiro beijo, etc.

Sailor Moon jovens heroínas em roupas incríveis que lutam contra o mal e possuem poderes fantásticos.  

Outros Exemplos: Sakura Cardcaptor, Fruits Basket e Nana 

Seinen

A vertente mais séria dos animes, nada de jovens lutando ou barulhos chamativos. Destinado a jovens masculinos, possui mais densidade e apresenta violência e sexualidade já com características mais adultas. Alguns personagens possuem moral e conduta duvidosa e podem viver à margem da sociedade. 

Exemplo: Berserk, Mushishi, One Punch-Man, Black Lagoon e Ghost in the Shell.

Os demais falam de jovens que querem salvar o mundo, esses falam daqueles que tentaram, não conseguiram e hoje vivem das frustrações e das tristezas do sonho não conquistado. São mais sombrios, possuem ligações com ficção científica, horror e crimes.

Josei

Gênero escolhido pelos editores do Pikachu-Sama. 

Mangás para meninas e mulheres, cheios das primeiras paixões e segredos escolares

Trata assuntos mais polêmicos da vida adulta, são temas realistas, às vezes melancólicos e até dramáticos, quase novelas, possuem enredos detalhados, toque de humor, vida amorosa.

Possuem também os “BL”, ou “Boys ‘Love”, romances entre personagens masculinos que podem, dentro dos ambientes mais maduros, ser retratados com uma sexualidade explícita. 

Exemplos: Natsuyuki Rendezvous, Shouwa Genroku Rakugo Shinjuu, Kuragehime e Sakamichi no Apollon.

Ecchi

 “Ecchi” são aqueles que possuem um apelo mais sexual, um toque de maldade, sua tradução poderia ser erótico ou “sujo”, para alguns, um pouco pervertido.

Mas cuidado, podemos dizer que são sexys, mas não pornográficos. São sedutores e marcantes.

Exemplos: Kill la Kill, Shokugei no Souma, Love Hina 

Harem

São muito bem aceitos pelo público, pois giram em torno de pessoas comuns de 15 a 30 anos. Geralmente são personagens ainda meio perdidos, buscando opções, sempre com paixão e com coisas a conquistar. Geralmente nessas histórias o personagem recebe heranças, ganha prêmios e de uma hora para outra, possui um destino fantástico.

Esse tipo não foi criado só para meninos, existe o Harem reverso para meninas com esse mesmo estilo.

Exemplos Masculinos: Ouran High School Host Club, Akatsuki no Yona, Uta no Prince-Sama são exemplos vivos e incríveis de anime dessa categoria.

Exemplos Femininos: Rosario To Vampire, To LOVE-Ru e Sora no Otoshimono são clássicos e são anime Harem.

Isekai

Um estilo muito interessante, pois trata de pessoas comuns sendo levadas a mundos fantásticos.

Enredos fantásticos, de fantasia, do extraordinário.

Desde 2010 todo ano um desse precisa ser lançado e tem paralelo em games, alguns famosos, Tensei shitara Slime Datta Ken e Re: Zero, fazem bastante sucesso.

São animes antigos como Fushigi Yugi, Magic Knights Rayearth e até A Viagem de Chihiro do Studio Ghibli fazem parte desse gênero.  

Um exemplo interessante: Hataraku Mao-sama!,onde o próprio Satanás vem para nosso mundo e aqui ele sofre para conseguir ligar uma máquina de batatas fritas. 

Seus personagens são jogados na história e se sentem “como um peixe fora d’agua!”

Mecha

São os animes ligados aos pilotos impetuosos em enormes super-robôs, lutando pelo que é certo.

A indústria de animações se baseou em, por exemplo Mazinger Z e Robô Gigante, responsáveis por Patlabor, Full Metal Panic!, e o universo da série Mobile Suit Gundam, criou a base para animes como Darling the FRANXX. 

Existem dois tipos de robôs, gigantes e mais próximos a realidade.

Slice of Life

Um anime que traz aos adultos de hoje, que foram fãs de anime na infância, uma opção para se encontrar com o passado, pois são fiéis a essa indústria, mas precisam de algo mais próximo de sua nova realidade.

Animes que mostram a vida real, a vida estudantil, geralmente mostram cenas mais tranquilas do quotidiano.

Exemplo: K-On!, o lendário e clássico “Serviço de Entrega da Kiki”, The Melancholy of Haruhi Suzumiya, Dragon Maid e Aria: The Animation podem incluir fenômenos sobrenaturais, dragões, viagens no tempo e vida em outros planetas, mas sempre com o tempo passando um dia de cada vez.

Kodomomuke

Desenhos educativos para crianças, pouco conhecidos no ocidente.

Algumas séries conhecidas no ocidente. Pokemon, Hamtaro e Yo-Kai Watch são exemplos do que estou falando, mas com certeza o mais importante e famoso é do gato Doraemon.

Podem ser muito divertidos. Imaginem você assistir um filme cujo alienígena gigante tem uma única fraqueza: sabão.

No meio dos anos 2000 a Globo exibiu um anime chamado Popolocrois e até hoje é um dos mais lindos que já assisti. Ele é um Kodomomuke.

Iyashikei

Um anime direcionado para fazer as pessoas terem vontade de viver, busca da cura, de soluções para problemas. Sempre possui fundos maravilhosos, objetivos claros e é uma ótima opção para quando chegamos de um dia cansativo.

Não possui um estilo definido, possui um objetivo, mas a forma e os personagens podem ser diversos

Exemplos: Natsume’s Book Of Friends, Barakamon e Laid Back Camp 

Agradeço a Brandon Furtado e seus textos que me ensinaram muito sobre esse gênero em seus textos.

Animes e mangás no Brasil

O sucesso no Brasil começou em meados da década de 1980. 

Entre os títulos mais populares está Dragon Ball, Naruto, Cavaleiros do Zodíaco, Sakura Card Captor, Pokémon, Digimon, Sailor Moon, Death Note, One Piece e vários outros.

Existem pessoas que são fanáticas peal cultura pop japonesa e pelos animes, são os otakus.

Dentre os otakus, existem aqueles que gostam de se caracterizar como seus personagens favoritos, são os cosplayers.

Nas grandes convenções e encontros dedicados a cultura e cultura pop japonesa, assim como de games são comuns as participações dos cosplayers, existem, inclusive concursos de melhores caracterizações e atuações.

Pokémon

Uma série, de nome Pokemon, gerou uma linha de criaturas fictícias, ela série foi criada como um videogame, sua popularização levou à criação de animes que invadiram a TV e os cinemas do mundo todo.

Palavra okémon é a contração de:

  • pocket, que significa bolso 
  • monster, que significa monstro. 

Logo, okémon é um “monstro de bolso”?

O jogo, que deu start ao universo Pokémon, foi criado em 1996, sua migração para anime foi uma consequência do sucesso do jogo.

Os pokémons sofrem metamorfoses podendo evoluir para seres mais avançados e mudam sua estética, dando ao criador uma gama infinita de possibilidades. 

O jogo inicial gerou vários outros jogos sendo a base para uma série de Games da Nintendo que evoluíram para jogos online como o Pokémon Deluge e o Pokémon GO.

O que é o Pikachu, dentro do universo de Pokémon?

Seu nome em tradução livre seria “som de um rato elétrico”. 

Para entender melhor o significado: 

Pika representa o som feito pelos choques elétricos. 

Chu significa o barulho característico dos ratos.

Logo Pikachu é a junção de duas onomatopeias que representam os sons feitos por uma descarga elétrica e por um rato.

Pikachu é justamente uma espécie de rato elétrico, capaz de emitir intensas descargas elétricas em seus adversários, quando se sente ameaçado.

Fanfic

Os fãs dos mangás e animes começaram a criar histórias e esse novo universo de criações foi denominado Fanfic.

Os fãs se apoderam da ideia e começam a criar, dando vazão a sua imaginação.

Na realidade são uma abreviação da expressão inglesa fanfiction, que significa “ficção de fã”, na tradução literal para a língua portuguesa.

É importante lembrar que os criadores das fanfics não têm a intenção de ferir os direitos autorais ou de obter lucros com as suas produções.

Por exemplo uma pessoa muito fã da saga de Mestre dos Anéis, cria uma fanfic com os seus personagens prediletos, valorizando a série e dando sequência a ela. Além disso, o fã pode criar relações entre os personagens que não estão na história original, abrindo o leque de opções para criação.

Muitas vezes as fanfics trazem novos personagens criados por seu autor que interage com os personagens dos quais é fã. É muito comum um fã criar um personagem que é ele próprio dentro da história, ou o representa naquele universo.

Hoje já existe, sites e fóruns que dão espaço para essas fanfics, mas desde Star Wars na década de 70, que as fanfics já têm seu espaço próprio.

Algumas revistas incentivaram isso e criaram espaço para essas histórias derivadas. 

Existem tipo de fanfics:

Ação / Aventura: histórias com lutas, aventuras e batalhas;

Angst: histórias mais fortes, envolvendo depressão e tristeza

UA (universo alternativo): histórias onde há uma troca de cenários e os personagens são colocados em mundos diferentes, fora do seu lugar original;

Crossover (cruzamento): mistura de personagens de séries diversas, por exemplo provocar um encontro de Harry Porter com o Superman

Fluff: histórias que normalmente são curtas, românticas e doces;

Oneshot: histórias completas, sem sequenciais ou capítulos;

OOC (fora do personagem): histórias onde o personagem escolhido se comporta diferente do original;

PO (personagem original): história que inclui um personagem criado pelo escritor fã.

Slash: história com um relacionamento homossexual;

Slow Burn: histórias, nas quais, os personagens apresentam relacionamentos românticos ou até sexuais.

Enfim, acho que pudemos falar um pouco desse universo incrível!

Bora assistir um anime!

Os fanfics da capa e o que encerra abaixo o texto foram criados pelo Vinícius e Mariana

ambos membros do Laboratório Krono!

Laboratório de ideias, conhecimentos, arte e imaginação.