Skip to content

De onde você é? Me perguntam.

Pipa, meu lugar

Nasci no estado do Rio, Volta Redonda. 

Cresci em São Paulo e em Santa Catarina, e moro aqui há quase 15 anos, eu respondo. 

Hoje, já SOU daqui do Rio Grande do Norte, potiguar, de Tibau do Sul, precisamente da Praia da Pipa. 

Quatro letras, meu lugar no mundo e muita gratidão e amor por tudo isso que esse nome me traz. 

Tanto sentimento…. 

Aqui meu sangue pulsa mais forte, minha vida faz mais sentido e eu sou mais feliz. 

No auge dos meus 27 anos, quase 15 anos atrás, aterrissei aqui no Planeta Pipa, com uma mochila nas costas e sonhos no coração. 

Copa do mundo de 2006 e este Vilarejo de pescadores era desconhecido do turista brasileiro, na época os voos charters traziam italianos, noruegueses, holandeses, finlandeses, franceses… 

A Europa era aqui, misturada com aquela simplicidade típica do interior do Nordeste e aquela beleza natural sem igual. 

Foi essa Natureza tão presente que me faz querer estar aqui até hoje. 

Nem tudo são flores: a distância da família e principalmente a falta de serviços públicos e privados na época, foram como uma seleção natural de quem realmente permaneceu aqui e quem não conseguiu abrir mão do conforto e comodidade da cidade grande. Não tinha caixa eletrônico, posto de saúde, transporte público e a gente se virava como podia. 

Formada em turismo, logo arrumei emprego em uma pousada e a convivência com as pessoas e com o lugar era muito fácil, amigável, segura e cheia de alegria. 

Aqui conheci Pescadores de verdade e ouvi suas histórias. 

Hoje muitos são uma estrela no céu, mas deixaram seu legado e a vila mesmo com toda modernidade já instalada, tem seus dias de pesca e fartura. 

Hoje mesmo, vi Pescadores que desfilavam com seus peixes frescos e sorriso no rosto. 

– Vai ter caldo de peixe e pirão!

Ao longo destes anos o Vilarejo de pescadores se transformou na Praia Badalada, onde todos querem vir e tirar selfies. 

Os condomínios e as construções pipocaram e o número de turistas também! 

Pipa ficou famosa e até apareceu em novela da Globo, Flor do Caribe foi gravada em 2013 e a partir daí houve um aumento no fluxo de turista brasileiro, regional e com esse aumento do turismo de massa nacional veio um crescimento desordenado, ruas estreitas, calçadas mal feitas, assaltos/furtos e obras, muitas obras. 

O charme da Vila ainda atrai atualmente muita gente de todo canto do mundo!! 

A Praia do Amor, a Baia dos Golfinhos, A Praia do Madeiro, mesmo com a ocupação desordenada da orla, são lugares mágicos e únicos: mata Atlântica, falésias, dunas, tartarugas, golfinhos, toda essa riqueza natural é visível para qualquer um contemplar. 

Pronto (como se diz por aqui),

Contemplar = fixar o olhar em algo com encantamento, com admiração. 

Para mim, é a arte de estar no templo, admirando o mar, o vento, os animais, a paisagem e toda a natureza que me cerca.

 Hoje, com 42 anos completados neste mês de novembro, ainda costumo brincar: 

– “Daqui não saio, daqui ninguém me tira!”. 

Acredito que aqui terei um bom envelhecer, aqui construí mais um capítulo da minha história e todos os dias consigo ver cores no céu que aquela menina de anos atrás, já via.