Skip to content

Seja líder nos momentos de crise. Assuma o seu papel!

Liderar é uma missão!

Gostaria de começar esse texto te alertando: Nos momentos de crise que você descobre se é líder!

Se você for, ótimo! Lidere! Exerça! 

Se você não for, mas precise ser, ainda pode ser, só depende de você! 

“Não há fatos eternos, como não há verdades absolutas… Torna-te aquilo que és”.

Nietzsche

Quando falo de liderança, não estou falando somente dos líderes em empresas, você pode ser um líder familiar, religioso, comunitário e de qualquer outro grupo! 

É importante ter consciência de sua liderança!

O líder afeta um grupamento de pessoas, que provavelmente precisam dessa liderança!

Lidere sem medo, caso isso seja seu destino!

Muitas pessoas insistem que só existem lideranças naturais, mas eu acredito que existem pelo menos mais dois tipos de lideranças.

Um primeiro grupo, que comumente chamamos de liderança descoberta, são pessoas que, por timidez ou por formato de criação, não exercem o papel de liderança de forma mais visível. Nesse caso, eu estou aqui para incentivar o líder a “sair do quadrado”

Muitos autores acreditam na liderança construída, eu também! Existem cargos em empresas e momentos nos grupos sociais que a necessidade cria um líder! Se você está nesse grupo, não se preocupe, pois bons estudos, cursos e treinamentos podem te ajudar a ser um líder com qualidade.

Por experiência própria, posso afirmar que eu já convivi com muitas pessoas que se achavam líderes, mas eram chefes, gerentes e muitos outros cargos de gestão, muito ar de superioridade, mas pouca efetividade.

Poucos mudaram minha vida e a vida dos demais integrantes do grupo, poucos me enxergaram de verdade e souberam me aproveitar como eu merecia!

Você pode estranhar a frase “souberam me aproveitar como eu merecia!” … e é a realidade.

Para que eu produza num grupo, preciso exercer aquilo que tenho competência e que me realiza. As pessoas precisam ser úteis num grupo. Um líder identifica você e sabe usar suas habilidades em função do grupo e dos objetivos do mesmo.

O que diferencia um chefe de um líder?

O primeiro me explora e não me torna eficiente, o segundo me conduz, me direciona, me ajuda e atinge os melhores resultados possíveis.

Nas empresas atuais, o trabalho em equipe é fundamental e, para o sucesso de modelos grupais, a liderança é um aspecto que pode mudar rumos, pois pode organizar as pessoas para passar por dificuldades e ajudar na busca de soluções customizadas!

Segundo Chiavenato, um dos grandes autores da área de Administração:

“As pessoas passam a significar o diferencial competitivo que mantém e promove o sucesso organizacional: elas passam a ser a competência básica da organização, a sua principal vantagem competitiva em um mundo globalizado, instável, mutável e fortemente competitivo”.

Segundo o mestre, os recursos humanos são fundamentais no processo de administração.

Isso nos leva dentro do universo empresarial a um novo cenário, onde trabalho em equipe, liderança, tecnologia, relações entre pessoas se tornam variáveis fundamentais.

Você poderia me dizer que aqueles chefes que eu citei não sabiam mandar, dar ordens ou estabelecer metas! E eu te diria que não, isso eles sabiam e, por isso, eu só os vejo como gestores, não como líderes.

Eu tive líderes sim, quem eram eles? Pessoas que além do conhecimento técnico necessário, sabiam lidar com pessoas, criar vínculos, organizar o tempo e gerar respeito e admiração!

“São muitos os que usam a régua, mas poucos os inspirados”.

Platão

O líder inspira, domina, envolve!

A liderança está vinculada a vários fatores e alguns merecem destaque:

  • domínio do conhecimento (seja o assunto, a técnica, a tese, a execução para o trabalho a ser executado pelo grupo);
  • saber gerenciar o tempo;
  • saber dividir o tempo entre trabalho e prazer;
  • cativar pela emoção, sentimentos e pelo envolvimento das pessoas.

Nesse momento de crise você descobre que a liderança pode ser exercida de formas diferentes.

Portanto existem líderes que dominam através da sabedoria, detém total conhecimento do objeto do grupo, são líderes por referência, são especialistas, são focados. Mas podem ser preteridos da liderança se outra pessoa do grupo, além disso tudo, puder gerenciar as emoções e os sentimentos dos liderados.

Logo, concluo dizendo que líderes dominam o conhecimento para executar uma tarefa e, além disso, geram sentimentos e emoções de equipe. Enfim, um líder inspira a todos!

Seja um líder e um dia mande suas experiências como líder para a Comud publicar!