Skip to content

Ladrões de dinheiro

Preciso repensar meu dinheiro

Oi, pessoal da Comud!

Sabe quando chega o final do mês e não sobra um tostão na sua conta? Vamos conversar…

Pode ter certeza que é culpa dos ladrões de dinheiro.

Você vai se surpreender, pois muitos são nossos hábitos.

Vou te mostrar quais são os hábitos que podem estar roubando dinheiro de você e como você pode fazer para preveni-los.

Aposte comigo! Serei sua planejadora financeira certificada e nesse momento vim te ajudar a se proteger desses ladrões de dinheiro.

Imediatismo

Então, vamos lá! Um dos primeiros ladrões é o imediatismo. Sabe aquela compra por impulso, que você tomou aquela decisão no calor da emoção, quando você viu aquela plaquinha mágica falando sobre liquidação?

Você já saiu correndo para comprar quando viu a placa de liquidação e não mediu as devidas consequências? Eis o primeiro vilão. 

Uma das principais lições na educação financeira é você retardar aquela sua compra e analisar se ela cabe dentro do seu orçamento. Desta forma, você começará a ver o seu dinheiro crescendo ao longo do tempo. 

Quando você tem esses impulsos imediatistas, você está principalmente burlando essa regra básica para fazer o seu dinheirinho crescer. Você deixa de poupar para gastar fora do orçamento.

Nesses casos, você não mede muitas consequências se realmente precisava daquele item ou não e, acaba comprando muito mais pela emoção do que pela razão. 

Centro Comercial, Armazenar, Varejo

Uma das minhas dicas para você se livrar desse ladrão safado é você sempre esperar um pouco antes de fazer aquela sua compra. Espere pelo menos 24 horas, ou no mínimo aquela voltinha no shopping. Experimente dizer:

“Eu vou dar uma volta e depois venho comprar”.

Esse tempo vai te ajudar a refletir se aquele item era realmente útil e necessário.

Tarifa bancária

Agora, vem cá! Conta um segredo aqui para mim.

Você ainda gasta com tarifa bancária?

Não acredito!!! Você gasta? 

Você sabia que, em média, o brasileiro gasta em torno de um salário-mínimo somente com tarifas bancárias? 

É verdade! 

Moedas, Notas, Dinheiro, Moeda, Finança

Sabe aquela tarifa de manutenção de conta? Aquela anuidade do cartão de crédito? Ou aquelas taxas para fazer certas operações no banco? 

Isso aí tudo, somado no final do ano, pode pesar muito no seu orçamento. 

Agora vou te contar um pulo do gato. 

Você não precisa pagar tarifa de manutenção de conta.

Todo o banco, eu vou repetir devagarzinho, todo o banco é obrigado a ter uma conta corrente com serviços básicos, a mais simples, de forma gratuita para todo mundo. 

Então é só você entrar em contato com o gerente do seu banco e dizer a ele:

“Olha, meu amigo, eu não vou mais pagar essa tarifa de manutenção de conta corrente e pode providenciar aí para mim uma conta totalmente gratuita.”

Mas fique ligado, porque o banco pode sim reduzir o seu pacote de serviços e cobrar por alguns produtos que, de repente, antes estavam incluídos nessa mensalidade que você pagava, como por exemplo o DOC, TED e alguns outros serviços.

Então, se informe com seu banco qual será o custo de algumas transações para que você veja realmente avalie se vale a pena. 

Agora, vamos combinar, você não precisa mais fazer TED e DOC uma vez que pode utilizar de forma gratuita o PIX.

Desperdício

O terceiro ladrão é um verdadeiro safado, eis o nosso amigo desperdício.

Levanta a mão quem nunca desperdiçou nada em casa?

  • Energia elétrica: deixando alguma luz acesa quando não tinha ninguém no cômodo 
  • Comida que você comprou e não deu tempo de consumir ela terminou estragando 
  • Água: naquele banho mais demorado sem necessidade. 
Lâmpada Elétrica, Idéia, Criatividade, Base, Luz

Então, está na hora de rever seus hábitos para eliminar os desperdícios. 

Aí, sim, você fazer o melhor uso do seu dinheiro.

Reveja:

  • Assinaturas automáticas,
  • Serviços de streaming e Internet,
  • Academia. 

Enfim, todas as coisas que você paga de forma recorrente e terminam passando desapercebidas no orçamento. 

Muitas vezes você precisa parar para analisar se aquele serviço está mesmo sendo útil para você.

Aproveite também para rever esses serviços e ver se, de repente, você não conseguiria pleitear um pacote mais barato ou se você está utilizando na sua total capacidade. 

Não seria o caso de cancelar esse serviço?

Alguns dos exemplos que já citamos e reforçamos são:

  • TV a cabo, 
  • Telefonia,
  • Serviços de streaming
  • Academia e clube,
  • Clube do vinho, da leitura, de compras.

Você tem ido à academia? 

Você acha que é só pagar que vai surgir sua barriga tanquinho?

Então, reveja se você está indo, se está usufruindo.

Analise, tire um tempo para realmente fazer seu orçamento e ver esses pequenos gastos que mensalmente podem estar corroendo o seu dinheiro no total no final do mês. 

Supermercado tem que ser feito com muita inteligência na hora fazer as compras e otimizar o seu dinheiro, mas esse eu te darei dicas em outro artigo.

Cartão de Crédito

Pessoal, usar o cartão de crédito da forma errada, já vou logo adiantando, eis um verdadeiro vilão.

Mas, nesse caso, a culpa é sua, que ainda não aprendeu a utilizar esse meio de pagamento ao seu favor. 

Isso mesmo, não adianta você parcelar em “trocentas” vezes se a parcela não couber no seu orçamento. 

Além disso, se, de repente, você começa a amontoar parcelas em cima de parcelas, daqui a pouco você já está naquele bolo de endividamento gigantesco que você não consegue mais arcar com o monstrinho que você mesmo criou.

Uau surgiu aquela bola de neve infindável que você não consegue pagar e termina pagando o valor mínimo da fatura do cartão. 

Os juros são altíssimos e você começa já a entrar num rolo de endividamento sem fim.

Então, utilize o cartão de crédito com sabedoria, realmente fazendo compras conscientes daquilo que você realmente precisa. Anote tudo dentro do seu orçamento, para você ter noção daquelas suas parcelas que você está pagando esse mês, mas também as parcelas que serão pagas nos meses a vencer, para ter controle certinho e ver se vai caber tudo dentro do planejado 

Dúvida sobre quando investir

Investir quando você ainda está endividado?

Ou investir é uma das melhores formas para você fazer o seu dinheiro se multiplicar sempre?

Se você está endividado, é muito importante você ter noção quais são os juros que estão sendo cobrados naquele endividamento.

Muito dificilmente aqueles juros ali serão menores do que você vai conseguir de rendimento em um investimento,

Então, a prioridade quando você está endividado é quitar a dívida o quanto antes, aí sim você começar a investir da forma correta e, juntar o dinheiro. 

Se você começa a investir ainda estando endividado, você termina saindo negativo nesse saldo, porque o rendimento dos seus investimentos não é o suficiente para cobrir aquele endividamento que você tomou. 

Muito provavelmente então fique ligado! E comparar as taxas de juros que estão sendo cobradas no empréstimo com as taxas de rendimento que você conseguiria naquele seu investimento que você está pretendendo colocar o seu dinheiro. 

Reserva de Emergência

Ter ou não ter uma reserva de emergência?

Olha se teve uma coisa que a pandemia veio à luz encenar é que imprevistos acontecem!

Você tem que estar preparado para eles. 

Então se você ainda não tem uma reserva de emergência, vamos logo tratar e criar uma!

Em outro texto, vou falar sobre esse assunto com mais calma.

Você vai precisar de orientações bem certinhas para você começar a montar sua reserva de emergência e não mais passar por apuros e terminar entrando no endividamento sem necessidade. 

Finalizando com uma dica e não com um ladrão

Qual é o seu objetivo pensando no que vai acontecer quando acabar a pandemia?

Coloque nome no seu dinheiro:

  • Comprar uma casa, 
  • Trocar de carro,
  • Pagar a escola do seu filho.

Coloque um nome nesse objetivo financeiro para que você se sinta mais motivado e também para que você possa direcionar os seus investimentos para cada objetivo. 

Aí sim, você ser mais assertivo nesses investimentos, até sabendo seus objetivos de curto médio e longo prazo e assim direcionando não só o prazo do investimento, mas também o risco que você pode alocar!

Conta aqui para mim se algum desses ladrões safados aí já te atingiu?

Já te fizeram perder dinheiro? 

Adoro saber as histórias de vocês. 

Financiamento De Veículos, Financiamento

Bom, pessoal, por hoje eu só espero que vocês tenham gostado desse artigo.

Vocês podem me contatar pelo Instagram e esse assunto também está no meu canal do Youtube.